Comissão Nacional da UNESCO

Ministério dos Negócios Estrangeiros

2016 Ano Internacional para o Entendimento Global - “Construindo pontes entre os pensamentos globais e as ações locais

ConcursoSEA2016

Promovido pelo Conselho Internacional de Ciências, o Conselho Internacional das Ciências Sociais e o Conselho Internacional de Filosofia e Ciências Humanas, 2016 foi proclamado Ano Internacional do Entendimento Global.

O objetivo central da celebração é a promoção de um melhor entendimento sobre o impacto global das ações locais para estimular politicas inovadoras que respondam aos desafios globais, como por exemplo, as alterações climáticas, a segurança alimentar ou as migrações. No entanto, objetivos específicos serão levados em consideração:

  • Promover      uma melhor compreensão global no apoio à cooperação económica, social e      cultural da humanidade.
  • Recordar      que as ações do dia-a-dia são importantes nas alterações climáticas      globais.
  • O      entendimento global baseia-se na investigação comum entre as ciências      sociais e naturais e as humanidades.
  • As      mudanças devem começar localmente para alcançar um nível mundial.
  • As      sociedades necessitam de um entendimento global para gerirem a mudança de      forma sustentável.

E os seis fundamentos e objetivos deste Ano Internacional que celebramos:

  • Criar uma consciência integral sobre a tradição natural e cultural na ação humana
  • Contribuir para modificar os hábitos nocivos para o meio ambiente mediante a elaboração de modelos de práticas alternativas exemplares
  • Promover a tomada de consciência da capacidade e das responsabilidades individuais relativas às decisões quotidianas
  • Encorajar cientistas e estudiosos das humanidades a participarem de investigações transdisciplinares sobre a sustentabilidade
  • Produz módulos didáticos sobre diretrizes de estudos que se aplicarão a todos os níveis de ensino e educação
  • Servir de catalisador para a cooperação transdisciplinar nas práticas sociais.

Em Portugal, o contacto para a celebração:

IYGU Centro de Acção Regional

Instituto Terra e Memória, Instituto Politécnico de Tomar

– Centro de Geociências da Universidade de Coimbra

c/º Prof. Doutor Luiz Oosterbeek

Largo dos Combatentes

6120-750 Mação, Portugal

Entrevista ao Prof. Doutor Luiz Oosterbeek. Ler aqui.

Saber mais.