Comissão Nacional da UNESCO

Ministério dos Negócios Estrangeiros

UNESCO e a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável

ods em cadeia

A UNESCO publicou o relatório “UNESCO no avanço da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável”, onde analisa os seus contributos no alcance dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela ONU.

No documento, são explicadas as diferentes iniciativas de caráter global, regional e nacional colocadas em prática pela UNESCO e de que forma estas permitiram avançar em direção a um desenvolvimento sustentável. Através de múltiplos projetos nas valências da Educação, da Ciência, da Cultura e da Comunicação, a UNESCO contribuiu de forma integrada e interligando os 17 Objetivos.

Entre os muitos programas colocados em prática, destacam-se o Quadro de Ação para a Educação 2030, o Programa Hidrológico Internacional (PHI), o Programa “O Homem e a Biosfera” (MAB), o Programa Internacional de Geociências e Geoparques (IGGP), a Comissão Oceanográfica Intergovernamental (COI), o Programa de Gestão das Transformações Sociais (MOST), o Comité do Património Mundial, as Redes de Cidades Criativas e de Aprendizagem e diversos projetos no âmbito do Turismo Sustentável, entre outros.

Estas iniciativas aceleram um desenvolvimento sustentável baseado em princípios de universalidade, inclusão, responsabilidade, interligação, paz, tolerância, multiculturalismo, cidadania e cooperação, que fomentam a resolução de crises e conflitos, avanços na ciência e na tecnologia, diminuição de desigualdades e proteção dos Direitos Humanos.

Nas palavras de Forest Whitaker, Enviado Especial da UNESCO para a Paz e Reconciliação, “a UNESCO, através das suas capacidades na Educação, na Ciência, na Cultura e na Comunicação, está muito bem posicionada para apoiar os países a tornar estes Objetivos Globais numa realidade para todos”.

A publicação pode ser consultada aqui.