Mensagem da Diretora-Geral da UNESCO

2019

Um mundo diverso não é apenas um mundo mais pacífico, é também um mundo mais próspero e mais justo. Neste dia, temos a oportunidade de celebrar a diversidade cultural que valorizamos e nos esforçamos para promover na UNESCO, no âmbito da Convenção de 2005 sobre a Proteção e Promoção da Diversidade das Expressões Culturais.


A diversidade assume inúmeras formas, sendo a linguagem talvez uma das primeiras que experienciamos enquanto seres sociais. A linguagem é o que define o nosso eu interior assim como a nossa forma de comunicar no mundo exterior. A linguagem é não só o que nos liga às nossas raízes, à nossa cultura e à nossa história como também às nossas comunidades e às nossas famílias.
2019 foi proclamado o Ano Internacional das Línguas Indígenas pela Assembleia Geral das Nações Unidas, uma iniciativa que visa chamar a atenção para a importância da diversidade linguística. Em todo o mundo, são faladas mais de 7.000 línguas, a maioria das quais por povos indígenas. Cada língua é um tesouro de conhecimento e de memória, um ponto de vista único e um recurso perante os desafios globais. E como podemos esperar resolver os problemas das alterações climáticas e do acesso a uma educação para todos ou ajudar as comunidades a reerguerem-se de períodos de conflito sem a participação do mundo em toda a sua diversidade?
Através da pluralidade das suas vozes, a diversidade cultural é considerada como um dos primeiros recursos renováveis da humanidade, uma vez que constitui uma fonte constante de inovação e de criatividade. Como refere a Declaração de Joanesburgo de 2002: “A riqueza da nossa diversidade [...] é a nossa força coletiva”. No seio de um património imaterial rico, a diversidade é um recurso não só para o desenvolvimento, mas também para o diálogo, a reconciliação e a resiliência. Nestes tempos de instabilidade, é necessário defender o valor e o poder da diversidade cultural.
Neste dia 21 de maio, Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento, a UNESCO encoraja as pessoas em todo o mundo a juntarem-se a nós para celebrar a diversidade cultural e encontrar formas de a protegermos e promovermos nas nossas próprias comunidades. Desta forma todos estarão incluídos e ninguém será deixado para trás.

Audrey Azoulay

  • Partilhe