Comissão Nacional da UNESCO

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Programas de construção da paz

 

  

 @UNESCO

 

 

 

 

 

 

    © UN Photo / P Mugabane

 @UNESCO

No âmbito dos Programas de contrução da paz a REDE DAS ESCOLAS ASSOCIADAS DA UNESCO tem dinamizado diversos projetos em algumas das área nomeadas:

 

Cultura da Paz e da não violência;

Todas as escolas SEA abraçam os quatro pilares de educação Delors Aprender a Ser, a Conhecer, a Fazer e a Viver Juntos, tal como anunciado na publicação "Educação, um Tesour a Descobrir".

Nesse sentido, a Escola Secundária Sá da Bandeira, aquando da realização dos seus encontros anuais internacionais“Jovens Cientistas do Futuro”, foi concedido, à Escola, pela UNESCO, no dia 17 de Maio de 2005, e pela 1ª vez na Rede Interancional, o galardão “ Pilar da Paz “. Este tornou-se o símbolo e a expressão do envolvimento da Escola em actividades que abraçam os pilares estruturantes da formação dos alunos.

 

 

 

 

Educar para os direitos humanos;

A Escola Secundária Eça de Queirós é no presente momento a escola que na nossa Rede possui o maior universo de nacionalidades de alunos provenientes de outros países: 53.

"A relação da Escola Secundária Eça de Queirós com as Escolas Associadas da Unesco é já longa, e é à luz da colaboração em rede que muitos projetos têm sido levados a cabo, muitas reflexões têm sido desenvolvidas e realizadas com e para os nossos alunos, sobretudo em datas chave como o 10 de dezembro, em que se comemora o dia Internacional dos Direitos Humanos, e o Dia da Europa, em 9 de maio.

Os pilares de toda a atividade que temos vindo a empreender no âmbito das Escolas Associadas da Unesco vão muito ao encontro da construção da paz com os outros, a começar na própria escola. A assunção da diversidade cultural, do valor do ensino intercultural, assim como a necessidade de trabalho em rede e em comunidade tem sido o objetivo das atividades que temos vindo a levar a cabo na escola, e é em grande medida, inspiradas por estas orientações, que ganham sentido e importância todas as atividades quando transpostas para o terreno onde as escolas se encontram. Estas atividades têm sido relevantes até no sentido de uma maior integração de alunos provenientes de outras origens e realidades culturais. Ainda podemos associar à Escola Secundária Eça de Queirós o epíteto de Escola multicultural, onde várias culturas se concentram e partilham um território comum. Tem sido essa a nossa grande riqueza enquanto instituição. A escola tem feito dos valores mencionados uma preocupação permanente, não só no clima interno de escola, fomentando a diversidade e a interculturalidade, mas também nas atividades ou projetos em que tem participado, ou que tem promovido, com outras escolas, dentro ou fora do País. Foi celebrado o Dia dos Direitos Humanos. no dia 10 de Dezembro, como habitualmente, celebrámos a Declaração do Direitos Humanos. A importância desta data vai além de sinalizar um mero evento histórico, atualiza esta noção central de sermos sujeitos de direitos inalienáveis, que devem ser respeitados e potenciados em todas as dimensões, obrigando-nos a um compromisso para com eles, e através deles, para com todo o ser humano que está ao lado de cada um de nós"

Dr. Gonçalo Santos, Coordenador, in artigo Ensino Magazine, 

 

os asinhos

 

http://www.eseqlx.net/queirosbeta/index.php/eseq-atividades/blogs 

 

A luta contra a discriminação

 

 

Educar para a recordação do Holocausto

O Agrupamento de Escolas Professor Armando de Lucena encontra-se no presente ano letivo a dinamizar o projeto "O que foi o Holocauto?"

Este projeto é desenvolvido no âmbito das artes do espetáculo, o teatro, a dança, a música, o canto, sociologia, filosofia,  e no contexto da disciplina de Educação Visual.

O objetivo principal da escola é o de sensibilizar a comunidade educativa e a população para a necessidade de construir um mundo mais tolerante,  justo. Os objetivos intergardos no projeto educativo da escola, são os seguintes:

1. Contribuir para a aprendizagem da História Universal

2. Contribuir para a formação de cidadãos mais interventivos e participativos, estimular relações de respeito, cooperação e civismo entre os elementos da comunidade educativa

3. Desenvolver saberes e competências artísticas

4. Valorizar a cultura portuguesa no seu contexto europeu

5. Fomentar um sentido estético e crítico

6. Educar na e pela arte.

As atividades que estão programadas : trabalhos artísticos no âmbito do tema "O que foi o Holocausto?"; exposição com material cedido pela Comunidade Israelita, na Galeria de Arte da Casa da Cultura da Malveira e Casas da Cultura da Ericiera; um ciclo de Cinema sobre o Holocausto, na Casa de Cultura de Mafra e na Casa de Cultura da Ericiera. Cada filme será antecedido por uma palestra, realizada por professores da escola e pessoas especializadas sobre o tema; visitas de estudo à Sinagoga da Ericeira e de Cascais. Um espetáculo noturno a realizar no fim do ano letivo, em parceria com a Escola Secundária Artística António Arroio, e o Conservatório Nacional de Dança. 

http://aealucena.ccems.pt/index.php?option=com_content&view=section&id=24&Itemid=232