Comissão Nacional da UNESCO

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Artes e artistas

A UNESCO reconhece a criatividade como um importante recurso que gera benefícios económicos e que melhora qualidade de vida das sociedades. Assim sendo, as artes e os artistas têm um papel fundamental enquanto promotores da criatividade, da partilha de conhecimento e da diversidade cultural.

A UNESCO coloca em prática um conjunto de atividades que valorizam a Arte e que apoiam os artistas a nível local, nacional, regional e internacional. Estes projetos, focados principalmente em jovens artistas de países em vias de desenvolvimento, apoiam o intercâmbio, formação, aconselhamento e capacitação de indivíduos.

 Fundo Internacional para a Promoção da Cultura

fipc

Entre as diferentes iniciativas da UNESCO destaca-se o Fundo Internacional para a Promoção da Cultura (IFPC), criado em 1974, com os objetivos de:

  • promover as culturas como fontes de conhecimento, significados, valores e identidade;
  • potenciar o papel da Cultura para alcançar o Desenvolvimento Sustentável;
  • promover a criatividade artística, respeitando a liberdade de expressão e
  • fomentar a cooperação internacional.

Neste sentido, o IFPC financia projetos de intercâmbio artístico e cultural que promovam a cooperação internacional e iniciativas que fomentem projetos artísticos e culturais, especialmente em países em vias de desenvolvimento.

 Rede de Cidades Criativas

cidades criativas2         © UNESCO

A Rede de Cidades Criativas UNESCO foi criada em 2004 para promover a cooperação entre cidades que têm a criatividade como fator estratégico para o seu Desenvolvimento Sustentável. Esta rede está dividida em sete categorias: literatura, cinema, música, artesanato e arte popular, design, artes e média, e gastronomia. Atualmente, há 180 cidades inscritas mundialmente, das quais 5 são portuguesas: Amarante (Cidade Criativa da Música), Barcelos (Cidade Criativa do Artesanato), Braga (Cidade Criativa das Artes e Media), Idanha-a-Nova (Cidade Criativa da Música) e Óbidos (Cidade Criativa da Literatura).

Bolsas de Estudo

A UNESCO possui ainda bolsas de estudo, como a Bolsa de Estudo “Culture et Diversité”, e programas de intercâmbio, como a Parceria UNESCO-Ruby, que possibilitam o intercâmbio de artistas em áreas como a música, as artes visuais e a escrita criativa, de modo a desenvolverem competências e terem uma experiência de formação intercultural.

Educação Artística

A Educação Artística representa também uma abordagem fundamental na promoção das artes. Esta não deve ser vista como limitadora, mas sim potenciadora do talento, não como uma ferramenta secundária da Educação, mas como central numa abordagem educativa interdisciplinar. Ao promover um equilíbrio intelectual, emocional e psicossocial dos indivíduos e das sociedades, estimula competências como o pensamento criativo e inovador, a reflexão crítica e a comunicação.

Neste sentido, a UNESCO tem vindo a promover desde 2012 a Semana Internacional da Educação Artística; a próxima edição deste evento será de 21 a 27 de maio de 2018.


Ligações Úteis

Diversidade das Expressões Culturais

Educação Estética e Artística

Convenção sobre a Proteção e Promoção da Diversidade das Expressões Culturais (2005)

As Cidades e a Criatividade

Guia para a Educação Artística